Como emitir nota fiscal no Rio de Janeiro?

Compartilhe esse post:
nota fiscal no rio de janeiro - capa

Veja o passo a passo para emitir nota fiscal no Rio de Janeiro. Saiba a documentação que você precisa para começar a fazer isso

Emitir nota fiscal é obrigatório para quem vende on-line – seja em um e-commerce próprio ou no marketplace. Mas você sabia que o processo de emissão não é o mesmo para todos os lugares no Brasil? Já te ensinamos como fazê-lo em São Paulo. Hoje, vamos mostrar como emitir sua nota fiscal no Rio de Janeiro.   

Para emitir nota fiscal você precisa de…

A nota fiscal é um requisito básico para que você atue nos maiores marketplaces do Brasil e caso decida ter uma loja própria. 

Antes de dar início ao processo de emissão, é importante verificar se você tem uma inscrição estadual e se o seu CNPJ está ativo, seja como MEI (Microempreendedor Individual) ou ME (Microempresa). Estes são pré-requisitos básicos em todo território nacional. 

Caso você não tenha e seja MEI, consulte o Portal do Empreendedor e veja todas as orientações de como abrir seu CNPJ e Inscrição Estadual.

Como emitir nota fiscal no Rio de Janeiro

Quem tem uma loja on-line precisa emitir a NF-e, ou seja, a nota fiscal eletrônica. Ela é enviada por e-mail ao cliente assim que a compra é aprovada e processada pelo sistema.

A solicitação do credenciamento da sua NF-e no estado do Rio de Janeiro é feita pela internet, desde que possua certificado digital e sua empresa esteja regularmente inscrita no caderj e em situação de habilitada.

nota fiscal no rio de janeiro - interna

Para que uma empresa (estabelecimento) possa emitir NF-e deverá:

Dito isto, agora você deve acessar o site da Nota Fiscal Carioca. Na home do site, clique em “Acesso ao sistema”, que fica no topo do site, à esquerda.

Se você possui o certificado digital A1 ou A3, clique no logo da ICP Brasil. Caso contrário, acesse com seu CNPJ e senha.

Clique em “Emissão de NFS-e” e, em seguida, selecione “Optante pelo Simples Nacional”. Marque a opção “Tributado no município” e selecione o apelido do cliente já cadastrado ou insira o CNPJ da empresa.

Agora, você deve informar qual é atividade referente à nota fiscal emitida (saiba que, na maioria dos casos, não é necessário alterar).

Depois, deixe o campo “Aliq. (%)” preenchido por padrão do sistema e insira a descrição do serviço prestado. Uma sugestão é seguir com o modelo “Serviços prestados em ATIVIDADE no período de DATA COMPLETA.”

Os campos de “Retenção de tributos” devem ficar em branco. Depois, insira o valor da nota fiscal. Já no campo “ISS retido”, marque “NÃO”. 

Por fim, clique em “Prever” e, em seguida, em “Emitir”.

Agora, você já está apto a emitir a nota fiscal no Rio de Janeiro. Que você emita muitas notas e venda cada vez mais!

Leia também:

Imposto de importação: tudo o que você precisa saber sobre ele

Simples Nacional é o melhor regime para o seu negócio?

Como fazer sua declaração anual de MEI?

Compartilhe esse post: