5 erros mais comuns na descrição dos produtos e como evitar

Compartilhe esse post:
descrição dos produtos

Erros frequentes na descrição dos produtos podem ser o fator determinante para o não crescimento do seu e-commerce. Conheça quais são eles e como evitar

Essencial em um e-commerce ou marketplace, a descrição dos produtos deve ser um dos aspectos mais bem elaborados na hora de cadastrar um item. Além de levar todas as informações necessárias para os clientes, também é uma fonte possível de tráfego para o site.

Se imagine no lugar do cliente: você quer comprar um produto, mas precisa conhecer mais sobre o material que é feito, voltagem, cor e os principais benefícios; mas a ficha técnica e a descrição dos produtos não existem. O que você faz? Abandona o produto e busca em outro site ou vendedor, certo?

Por isso, a descrição é essencial e deve conter informações que transmitam confiança e que auxiliem na escolha pelo produto.

Apesar de ser um campo básico no anúncio em e-commerces e marketplaces, muitos lojistas ainda não dão a devida atenção, adicionando poucas informações ou cometendo alguns outros erros que, além de prejudicar as vendas, também podem “tirar o crédito” da loja online. Confira alguns deles. 

Principais erros no seu descritivo

Não basta apenas adicionar um produto em uma loja virtual e esperar que os clientes cheguem até você. É preciso proporcionar uma boa experiência; deixando a página de produto o mais completa possível. 

Mostramos os 5 erros mais comuns e que podem estar atrapalhando as suas vendas e como evitá-los, veja!

Não ter uma descrição

Mais comum do que se pode imaginar, o número de e-commerces sem descrição em seus anúncios de produto é grande; esse é o primeiro erro – por sinal, gravíssimo.

Os clientes buscam tirar dúvidas e também conhecer todas as características do produto pela descrição. Por isso é tão necessário que todos os produtos tenham esse campo preenchido, com informações que sejam pertinentes para todos os tipos de público, desde uma pessoa que saiba exatamente do que o produto se trata, até uma que não seja tão familiarizada assim.

Na hora do cadastro, procure por referências e busque descrever seu item o melhor possível, de forma agradável a qualquer um que leia esse texto. Veja como fazer uma descrição vendedora, clicando aqui.

Apresentar erros ortográficos

Errar na gramática ou ortografia pode passar a imagem de amadorismo para a sua loja online, por isso ficar atento é importante. Desde os mais simples aos mais complexos, os erros textuais não são bem vistos e podem até mesmo resultar no abandono do produto.

Para evitar, é ideal que a descrição seja revisada, tanto na parte de estrutura, como na ortografia e gramática. Uma dica é usar o revisor de ortografia e gramática do próprio editor de texto (Microsoft Word, por exemplo), além de ler o conteúdo em voz alta ou enviá-lo para outra pessoa revisar. 

Usar uma descrição igual a dos fabricantes

Geralmente, o fabricante do produto disponibiliza algumas informações mais básicas para que os clientes possam saber do que o produto se trata, mas usar apenas esse texto não é o suficiente para despertar o desejo de compra de um cliente.

Além do mais, isso não irá diferenciar o seu e-commerce dos demais e deixará o seu produto com informações duplicadas nos buscadores (como o Google) e até mesmo atrapalhará o SEO do conteúdo. Então, seja criativo e escreva uma descrição que apresente tudo sobre o produto, diferenciais e que seja única na internet. 

Não utilizar palavras-chaves

Todos os sites da internet necessitam de uma excelente otimização com as técnicas de SEO, para aparecerem bem posicionados nas pesquisas dos buscadores, e com o descritivo dos produtos não é diferente. 

É exatamente no descritivo onde você vai garantir que, quem está atrás do item que você comercializa, o encontre com mais facilidade. Realize uma busca por palavras relacionadas com o produto em ferramentas gratuitas, como o Ubersuggest e as insira ao longo do texto, mas sem deixar a produção robótica ou repetitiva. 

Além da descrição do produto, é muito importante otimizar o título, o deixando o mais vendedor possível, pois esse é o primeiro contato que o cliente terá em seu site ou nos buscadores. As duas informações poderão mostrar que seu produto é o que o consumidor está buscando.

Redigir um texto curto ou sem estrutura

Seguir um raciocínio na hora de escrever um texto é essencial, e fica muito mais fácil de encaixar todas as informações necessárias e importantes. O ideal é que o texto seja objetivo, mas não significa que em apenas 5 linhas você poderá concluí-lo. 

Encante e desperte o desejo do cliente em ter o produto em mãos. Fale sobre as características, use adjetivos, verbos e tire dúvidas. Leia todas as informações dos produtos antes de começar a escrever e revise ao final.

Um bom descritivo de produto tem que ser o mais completo possível e transmitir ao consumidor a ideia de ter o produto em mãos, ao apenas ler a página. 
Se você tem um negócio online, vale a pena dedicar mais tempo nesses detalhes para conquistar o seu cliente e converter muito mais. No blog da BCreative Content, a agência de conteúdo para e-commerce da B2W Digital, você confere muito mais dicas. Clique aqui e confira!

Leia também:

BCreative Content: agência de conteúdo para e-commerce da B2W

O que é marketplace e como ele facilita a venda de seus produtos

Técnicas de redação para melhorar o descritivo de produtos

Compartilhe esse post: