Google Shopping: como funciona

Compartilhe esse post:
google shopping

Guest Post por BCreative Content

Precisa de uma ajuda para atrair clientes para sua loja online? O Google Shopping é a ferramenta ideal e com ótima taxa de conversão

Vender itens pela internet é um ótimo negócio tanto para quem está iniciando, como também para quem já é veterano. Para ajudar nesse desafio, o Google traz algumas ferramentas que deixam o seu produto em evidência para possíveis clientes. 

Você já deve ter feito uma rápida pesquisa de produto no buscador e notado que aparece um carrossel com algumas opções de lojas para comprá-lo. Esse nada mais é do que o famoso Google Shopping. 

Essa ferramenta do Google, traz para o usuário uma lista de comparação de preços de um produto ou similares pesquisados por ele na busca inicial. A seguir explicaremos, o que é, como funciona e quais são os requisitos que as descrições e as imagens necessitam.

O que é o Google Shopping?

Não é de hoje que os sites comparadores de preço fazem sucesso pela internet, devido a sua facilidade. O Google observando isso tratou de garantir o seu em meados de 2011. 

Trata-se de uma vitrine online onde os lojistas podem anunciar seus produtos físicos. Por lá, aparecerá informações como nome do fornecedor, foto, preço e até mesmo opinião de quem já adquiriu o produto. Um meio muito eficaz e que tem trazido alta conversão de vendas.

Além de aparecer na busca inicial do Google, é possível visualizar os produtos em uma página exclusiva, na categoria “Shopping” do buscador. Veja um exemplo de como aparece, ao pesquisarmos por smartwatch:

Como colocar produtos no Google Shopping 

Primeiramente, o produto só poderá ser anunciado por lojistas que tenham uma loja online. Se você se enquadra nesse perfil, basta criar sua conta no Merchants Center, plataforma do Google onde é feito o cadastro dos produtos.

Lá, você conseguirá enviar uma lista chamada de feed com vários produtos, onde você adiciona os atributos de cada um deles.  

O envio desses dados é importante para que o anúncio tenha máxima eficácia e você tenha muito mais tráfego na página do seu produto.

3 dicas para fazer uma boa campanha no Google Shopping 

Existem alguns critérios para anunciar nessa plataforma, que incidem em boas práticas de como fazer o melhor título, descrição e postar a melhor imagem para que o anúncio tenha um bom desempenho.

Se você quer saber como fazer e melhorar o seu anúncio, aqui estão algumas dicas:

Imagem

A qualidade da imagem é um dos pontos fundamentais quando o assunto é loja online. Para ser aprovado no Google Shopping, a imagem deverá ser exatamente do produto, tanto na cor como do modelo; até porque, o cliente só terá interesse em comprá-lo se for o que está sendo mostrado no display inicial.

O indicado é utilizar imagens com pelo menos 250×250 pixels, para produtos de vestuário, e mais do que 100x100px para aquelas que não são dessa categoria. Além disso, as imagens não podem ter mais do que 64 megapixels, devem ter boa qualidade visual e não podem conter marca d’água. 

Título

Um dos passos mais importantes na hora de cadastrar o seu produto é pensar em um bom título. A recomendação do Google é que você adicione as informações de forma simples, para que as pesquisas dos usuários correspondam a ele. Além de realizar testes, para analisar o desempenho.

O título poderá ter até 150 caracteres, mas lembre-se que na busca aparecem muito menos. Então, o ideal é adicionar as informações essenciais em primeiro plano para atrair e garantir o clique. A estrutura mais recomendada é produto + marca + atributos. Escreva o título como um usuário procuraria.

Descrição

Depois do título, a descrição necessita de um olhar mais criterioso, pois auxilia no desempenho do anúncio.  O ideal é que tenha informações que irão tirar as dúvidas do usuário sobre o produto e suas características mais importantes.

A dica do Google é que a descrição não tenha letras maiúsculas, links ou caracteres estrangeiros. Utilize qualidades do produto e saiba que aparecem apenas 150 caracteres, sem precisar que se expanda o texto.

Por fim, se você quer alavancar as suas vendas é muito importante investir em estratégias como essas que trazem visibilidade e as chances de conversão são muito maiores. 

Leia também:

6 ferramentas para a análise de concorrentes e estudo de mercado

O que é marketplace e como ele facilita a venda de seus produtos?

Por que é estratégico vender no marketplace?

Compartilhe esse post: