6 estratégias de precificação para vender no marketplace

estratégias de precificação

Boas estratégias de precificação ajudam a manter o negócio competitivo e sustentável ao mesmo tempo

A gestão de suas vendas no marketplace deve incluir um conjunto de estratégias de precificação de produtos. É muito importante que você tenha uma previsão de custos e margem de lucro, além de estar ciente da comissão que será descontada nas vendas.

Além disso, saber como é possível trabalhar essa margem poderá ajudá-lo a aumentar seu lucro na hora certa, seja baixando preços e gerando vendas por quantidade ou aumentando a lucratividade no ticket do produto.

Abaixo estão 6 estratégias de precificação que devem ser consideradas ao gerir suas vendas no marketplace:

 

1 – Mantenha preços competitivos para seus produtos

O preço de um produto é um fator de atração e conversão de vendas. Por isso, procure manter preços competitivos para os itens que você vende, e, sempre que possível, tenha as melhores ofertas do mercado e até mesmo que as praticadas em seu próprio e-commerce, caso tenha um. O volume de vendas que o marketplace pode gerar costuma compensar bastante as margens menores.

 

2 – Não esqueça de contabilizar o frete

O frete influencia muito no valor do pedido, por isso, lembre-se de considerá-lo ao calcular preços dos produtos. Caso você não tenha muita margem de negociação no preço, também é possível tentar superar os concorrentes no valor do frete. Para isso, segmente as regiões para onde você mais vende e tente negociar preços menores com seus fornecedores logísticos. O B2W Marketplace também oferece uma solução para te ajudar com frete e logística, o B2W Entrega. Você pode utilizar a negociação que já mantemos com nossos parceiros e sem custo adicional.

 

3 – Monitore o buy box para seus produtos

É muito importante conhecer quantos e quais de seus produtos estão no buy box (posição de destaque). As ofertas posicionadas ali são aquelas que oferecem os melhores benefícios para o cliente, incluindo frete, prazo de entrega, avaliação da loja e, claro, o preço dos produtos. Isso te ajudará a saber em quais situações você deve melhorar o valor dos itens que vende.

 

4 – Analise seus concorrentes e saiba qual preço eles praticam

Você também pode começar a monitorar seus concorrentes no marketplace, usando uma solução como Sieve Seller para otimizar suas estratégias de precificação. Isso te ajudará a conhecer os produtos no buy box e preços praticados por outras lojas na venda dos mesmos itens que os seus. Com isso, será possível identificar oportunidades de aumentar sua lucratividade ou criar promoções mais atraentes.

 

5 – Aproveite oportunidades no Promoseller

O B2W Marketplace oferece uma opção para os parceiros aderirem a promoções em datas comemorativas, aplicando descontos no valor do produto (à vista, com desconto no boleto ou 1x no cartão, ou à prazo) e/ou no valor do frete. Como são datas com alta demanda, é sempre estratégico aproveitá-las, atraindo e vendendo para mais clientes. Além disso, sua oferta será mais competitiva para o buy box já que nosso algoritmo considera o preço á vista para validar a melhor oferta para o cliente.

 

6 – Divulgue seus produtos no B2W Ads

O B2W Ads se trata de um sistema de anúncios patrocinados dentro do B2W Marketplace, onde você paga um valor fixo por cada clique recebido. Ele pode ser usado em suas estratégias de precificação tanto para destacar produtos exclusivos, itens novos, em que você é pouco competitivo, ou mesmo para itens de alta relevância, mas que não estejam posicionados no buy box.  Com Ads, ao clicar no anúncio o consumidor será direcionado diretamente para o seu anúncio, aumentando a chance de conversão

 

Dicas adicionais

Além desses fatores, vale ficar atento para sempre ter estoque para seus produtos e evitar erros de matching nos preços. A atenção ao cadastro correto do item e de seu EAN podem ajudar a evitar estas falhas e manter a precificação correta nos sites.

No B2W Marketplace também é aplicada uma trava de preço sempre que você oferece um desconto igual ou superior à 50% do valor cheio do produto. Essa trava impede a atualização imediata da oferta do site, evitando que você perca margem caso a mudança seja aplicada por algum erro. Dessa forma, nosso time confirma, via sistema, a atualização com sua empresa e, só então, habilita o novo preço.

 

Leia também:

O que é o buy box nos marketplaces e como posicionar minha oferta?

O que é e como vender seus produtos no B2W Marketplace?

Curva de crescimento: como o B2W Marketplace ajuda os varejistas a vender mais?