Como conquistar mais clientes para sua loja virtual?

Compartilhe esse post:

loja virtual

Canais como os marketplaces ajudam lojas virtuais a aumentarem a visibilidade e venda dos produtos

Os marketplaces são uma possibilidade para as lojas virtuais aumentarem a visibilidade dos itens que vendem e, ao mesmo tempo, gerarem novos negócios em um modelo baseado em comissão por vendas.

Estes canais são estratégicos pois possuem um alto tráfego mensal  qualificado. Com isso, todos os itens expostos neles podem ser vistos e adquiridos pelos clientes. Ao vender nestes canais, uma loja virtual também pode aproveitar essa oportunidade e conquistar muito mais negócios.

Marketplace: um canal de marketing e vendas

Se você tem dificuldade de gerar visitas e vendas em sua loja virtual, o marketplace será um grande aliado para conquistar conversões para seus produtos e ajudar a divulgar sua marca.

Mas, como funciona?

Com muitos lojistas vendendo no mesmo lugar, o cliente encontra um grande sortimento, pode comprar um carrinho com itens diversificados e pagar tudo de uma vez. A possibilidade de encontrar tudo o que precisa em um só lugar  faz com que os consumidores voltem a comprar naquele site futuramente e que outros clientes comecem a aparecer.

Todos estes clientes interessados em comprar formam um público altamente qualificado para o lojista impactar. Por isso, é estratégico vender produtos nos marketplaces, onde o consumidor poderá conhecer os itens vendidos, marca e fechar um negócio por ali.

O melhor é que este modelo de negócio funciona com um baixo investimento: o lojista pode integrar seus produtos, começar a divulgá-los e só vai pagar pela parceria quando começar a vender. A cada pedido recebido, o marketplace cobra uma comissão sobre a venda fechada, de forma semelhante a um canal de marketing baseado em conversões.

Qualquer loja virtual pode vender no marketplace?

Todas as lojas virtuais devidamente registradas para atuar como varejistas podem vender no marketplace.

Aqui no B2W Marketplace, os requisitos são que o parceiro tenha: um CNPJ ativo, e-CNPJ, CNAE no setor “Comércio Varejista”, inscrição no Sintegra para emitir NF/ NFe, Contrato Social com capital superior a R$1 mil e conta corrente vinculada ao CNPJ.

Caso se interesse, você pode conhecer outras informações sobre o B2W Marketplace aqui e fazer seu cadastro neste link.

Leia também:

O que é marketplace e como ele facilita a venda de seus produtos?

O que é e como vender seus produtos no B2W Marketplace?

Por que é estratégico vender no marketplace?

Compartilhe esse post: